fbpx

notícias

Guedes terá que explicar assédio sexual de Pedro Guimarães na Câmara Federal

5/7/2022
A A

A Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP) aprovou, nesta terça-feira (5), requerimento de autoria da deputada federal Erika Kokay (PT-DF) para que o ministro da Economia, Paulo Guedes, explique as denúncias de assédio sexual contra o ex-presidente da instituição, Pedro Guimarães, e o impacto da quebra do monopólio da Caixa sobre as atividades de penhor de bens móveis em seus resultados financeiros. O requerimento de convocação foi transformado em convite por acordo no colegiado.

“Notícias da imprensa apontam que o ministro Paulo Guedes tinha conhecimento, desde pelo menos 2021, de toda a prática de assédio sexual do senhor Pedro Guimarães, no âmbito da Caixa”

Erika Kokay

“É preciso que Guedes explique quais medidas foram tomadas diante das graves denúncias de assédio sexual envolvendo o ex-presidente da instituição. O senhor Pedro Guimarães, usou de seu poder hierárquico, durante as centenas de viagens que fez por meio do programa Caixa Mais Brasil, em que se hospedou em luxuosos resorts, para assediar funcionárias com convites indecorosos e incompatíveis com a natureza do trabalho”, completa Kokay.

Ainda não há data definida para a audiência com o ministro da Economia.

compartilhe