Noticias

Erika Kokay apresenta pauta prioritária do Movimento de Saúde Mental do DF para secretário de Saúde

A deputada federal Erika Kokay (PT-DF) esteve reunida com o Secretário de Saúde do Distrito Federal, Osney Okumoto, nesta quinta-feira (18) para debater uma série de pautas da política de saúde mental na capital do país. Entre os principais temas estão a construção dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) das Regiões Administrativas do Recanto das Emas e São Sebastião, o fortalecimento da Rede de Atenção Psicossocial do Distrito Federal, além da entrega de ofício com as principais demandas indicadas pelas organizações de controle da execução da política de atenção à saúde mental do DF.

Erika Kokay apresentou o cenário de precarização dos serviços de atenção à saúde mental do DF, com entrega de relatório apontando os principais problemas identificados por organizações da sociedade civil. A parlamentar ressaltou a necessidade de construção de CAPS na Região Administrativa do Recanto das Emas e de São Sebastião.

O Caps do Recanto das Emas funciona de forma improvisada nas instalações do Centro de Saúde, não recebendo o credenciamento em razão da inadequação das instalações físicas, atestada pela Vigilância Sanitária. Em relação ao CAPS de São Sebastião, Erika Kokay destacou que em audiência pública recente, representações daquela comunidade reivindicaram a implementação do CAPS, inexistente na cidade até o momento, apesar de se ter uma demanda reprimida substancial.

A presidenta do CRESS e representante do Movimento Pró-Saúde Mental do DF, Karina Figueredo, falou sobre as condições inadequadas para o atendimento, do CAPS de Ceilândia, e da necessidade de se ter uma outra base física. Já a coordenadora da Diretoria de Saúde Mental, Vanessa Sablini, falou sobre a necessidade de aquisição de insumos para as oficinas terapêuticas dos CAPS, bem como de kits teleconferência.

A equipe da Secretaria de Saúde informou que existe previsão orçamentária para construção do CAPS do Recanto das Emas, mas que para São Sebastião não tem nenhuma indicação, em razão de não se ter terreno para construção.

A deputada Erika Kokay se comprometeu a marcar uma reunião com o Administrador Regional de São Sebastião, para solicitar destinação de terreno para construção do CAPS, reunião com a Secretária da Secretaria de Estado de Assistência Social, para discutir sobre cessão de parte do CREAS de Ceilândia, para instalar o Caps, além de repasse de emenda parlamentar e de Bancada, para elaboração de projetos arquitetônicos e construção de CAPS.