Noticias

Deputados do PT consideram Bolsonaro o grande derrotado nas eleições municipais

Parlamentares da Bancada do PT na Câmara se revezaram na tribuna virtual da sessão desta quarta-feira (18) para avaliar os resultados das eleições municipais realizadas no último domingo (15). A avaliação unânime dos petistas é a de que o grande derrotado foi o presidente Jair Bolsonaro. “Nessas eleições, nós tivemos um recado da população: um recado contra a misoginia, contra o ódio, contra o que está sendo colocado em prática pelo governo federal. Nós tivemos aqui um recado, uma derrota de Jair Bolsonaro. O povo respondeu a sua incompetência e a sua necropolítica”, afirmou a deputada Erika Kokay (PP-DF).

A parlamentar destacou que cerca de 78 candidatos carregavam o nome “Bolsonaro” e desses, apenas um foi eleito. “Aliás, o seu filho, Carlos Bolsonaro, perdeu 30% de votos e saiu da condição de vereador mais votado no município do Rio de Janeiro”, acrescentou.

Ainda na sua avaliação, Erika Kokay citou o avanço dessas eleições com várias candidaturas trans, que tiveram o aval do povo para representar a diversidade. “Houve aumento do número de mulheres e de negros. Tivemos o primeiro prefeito quilombola eleito, em Cavalcante, em Goiás, além de várias candidaturas vitoriosas de indígenas”.

O deputado Leo de Brito (PT-AC) parabenizou toda a população por mais uma festa da democracia ocorrida no último dia 15 de novembro. “A esperança volta ao Brasil com essa fragorosa derrota da extrema direita, a exemplo do que aconteceu nos Estados Unidos e do que vem acontecendo em países como a Bolívia e o Chile. Vamos dar um basta ao discurso do ódio, um basta à incompetência que está instalada no nosso País”, enfatizou.

Também na avaliação do deputado Célio Moura (PT-TO), as eleições do domingo passado foram a maior derrota política do governo Bolsonaro. “Todos os candidatos que defenderam o nome de Bolsonaro nas urnas foram fragorosamente derrotados. Isto é uma demonstração de que esse governo já acabou. A base dele se espatifou e ele está apenas governando os últimos dias do seu mandato, porque ele não tem base eleitoral”, criticou.

O deputado Rogério Correia (PT-MG) também considerou que Bolsonaro foi o grande derrotado no último dia 15. “Nós não temos, sequer, tempo para fazermos uma avaliação do processo eleitoral que está agora terminando, faltando ainda o segundo turno das eleições. Mas eu quero registrar a derrota do governo obscurantista, ultraneoliberal, autoritário e corrupto do Jair Bolsonaro”, frisou.

O deputado Valmir Assunção (PT-BA) parabenizou a militância do PT que se dedicou nos últimos meses ao trabalho para eleger prefeitos e prefeitas e vereadores e vereadoras em todo o Brasil. Ele destacou que em Salvador, pela primeira vez na história do Partido dos Trabalhadores, uma mulher negra disputou a Prefeitura, com mais de 18% dos votos dos soropolitanos. “Por isso, parabéns ao PT e à esquerda brasileira, porque mostrou que é possível, num momento onde parte da sociedade prega o ódio, nós pregarmos o respeito, o amor e, sobretudo, a fraternidade”.

Democracia

O deputado João Daniel (PT-SE) destacou a importância do processo eleitoral para o fortalecimento da democracia. “As eleições nos dão a força para a democracia, e viva as forças populares, que foram capazes de impor, no Brasil inteiro, diante de uma onda fascista bolsonarista, derrotas importantes e fundamentais”, afirmou, parabenizando desta forma todas as instâncias do Partido dos Trabalhadores. “Reiniciamos um processo de construção de um grande campo de esquerda popular”, observou.

João Daniel lembrou que nos Estados Unidos, o povo americano mostrou que não quer mais a extrema direita fascista. “E nós aqui aguardamos os dias contados para que as forças populares de esquerda deste País retomem um projeto comprometido com a vida, com a sociedade, com a democracia e com campo popular”, enfatizou.

Na mesma linha, o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) reforçou que há sempre que se comemorar no Brasil e em toda a América Latina quando acontecem as eleições tendo como referência o fortalecimento da democracia.

Os deputados Airton Faleiro (PT-PA) e Jorge Solla (PT-BA) também comentaram o resultado das eleições e endossaram a avaliação de que o presidente Bolsonaro e a ultradireita foram os grandes derrotados nesse processo eleitoral.

 

Vânia Rodrigues do PT na Câmara